Tendências para o varejo em 2020 0 400

Para ficar por dentro do que está em tendência e apostar no varejo, vamos pontuar a nossa visão acima dos temas mais relevantes apresentados na NRF Retail’s Big Show deste ano, a principal feira do setor. Iremos falar sobre o que estamos acompanhando e vendo dar certo no varejo no Brasil e no mundo. 

Um assunto que nunca sai de moda é como entender o perfil do consumidor e o que está por trás disso. E para traçar o perfil do seu consumidor real, com o objetivo de converter as suas vendas, o melhor passo é a captação de dados

Gerar e analisar os dados

Adote esta regra: dados em primeiro lugar. Captar dados no varejo não se restringe apenas ao ecommerce. Investir em tecnologia no PDV, hoje, é algo super rentável que pode ser a base das suas estratégias de vendas. 

Com a interação via sensores, capazes de mensurar, por exemplo, o tempo de permanência de uma pessoa em frente à gôndola, conseguimos ver na prática a relação: fluxo x conversão. Os dados gerados a partir dos sensores, quando bem posicionados em pontos estratégicos, indicam uma série de informações precisas e únicas. Basta que você saiba trabalhar em cima desses dados para alcançar seus objetivos. 

Gôndola TRESemmé, por Alice Wonders
Holografia de gôndola TRESemmé, realizado por Alice Wonders. Obteve 180 mil interações e mais de 25 mil pessoas impactadas.

A inovadora holografia no PDV da TRESemmé com sensores, permitiu extrair dados indicando resultados de cerca de 3600 interações por dia, além de chamar a atenção de mais de 25 mil pessoas por mais de 5 segundos na frente da holografia. A nossa tecnologia cria a possibilidade de transmitir vídeos similares a campanhas de TV, que passa todas as informações necessárias e ainda promove a sensação dos produtos estarem flutuando em frente aos consumidores, resultando experiência única e diferencial.

Criar experiências únicas

Engajar o consumidor e conectá-lo a um nível emocional é uma excelente estratégia. Apesar de não ser mais novidade, essa pauta voltou a chamar atenção este ano na NRF, o que reforça a ideia de continuar apostando em gerar experiências únicas ao consumidor. 

Você já deve ter percebido que a tecnologia está cada vez mais integrando aspectos humanos, justamente para levar emoções e sensações às pessoas. É o que chamam de “varejo humanológico”, ou seja, a tecnologia a favor da humanização nas relações de compra, venda e experiência. 

Se você conseguir criar uma memória no seu consumidor através da experiência, você já conseguiu uma retenção. 

Colocar produtos à prova 

Oferecer testes do seu produto tem a ver, também, com levar experiências ao consumidor. Como as lojas pop-ups que distribuem amostras grátis, degustação ou até mesmo disponibilizam um produto como provador. Ter essa oportunidade é algo imensurável para os clientes, que retribuem com feedbacks construtivos para a sua marca e eleva o nível de satisfação. 

Além disso, a sua loja física pode oferecer produtos exclusivos, ou sob medida. Quanto mais se sentir único e especial, mais chances tem desse consumidor de se fidelizar com a sua marca. Outra vantagem de produzir produtos exclusivos, é diminuir a quantidade de estoques. Pense nisso!

Personalização dos espaços 

Investimento no espaço e em novos equipamentos – seja na decoração da loja ou em tecnologia – costuma ser um investimento de capital a longo prazo (de dez a quinze anos). Em um outro post aqui no nosso blog falamos sobre a importância da personalização dos espaços físicos e como um ambiente interfere na experiência do cliente. Confira!

“A comunicação visual do ambiente precisa conversar entre si, além do mais, os aspectos estéticos de decoração e também os funcionais são sempre analisados pelos clientes. Móveis, iluminação, os próprios produtos, tudo faz parte”.

Vitrine infinita Di Santini, projeto criado por Alice Wonders.
Vitrine infinita Di Santini, criada por Alice Wonders. Projeto que une experiências digitais e espaços físicos.

Curtiu as dicas e já quer aplicar as tendências na sua marca? Entre em contato conosco para ajudá-lo a realizar projetos incríveis. 

Inscreva-se em nossa Newsletter

Receba no seu email todas as novidades do nosso blog sobre tecnologia e varejo, além de ficar por dentro do novos projetos Alice Wonders.

Thank you for subscribing.

Something went wrong.

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como a vending machine se sustenta em cenários com ou sem crise 0 1013

A vending machine está se mostrando uma alternativa segura para o varejo durante o período de isolamento social e evitar o contato físico com pessoas. Elas são mais higiênicas e por esse motivo, também, está havendo uma grande procura de modelos de máquinas para o mercado. Por exemplo, vending machine de máscaras cirúrgicas para atender a população já é uma realidade. Pelo menos na China, a fabricante TCN comercializa máquinas de venda automática com as máscaras, para as pessoas se protegerem do COVID-19. 

TCN vending machine mask

Na Eslováquia, a rede de farmácias Dr. Max, está transformando as vending machines de medicamentos em máquinas de venda de máscaras de proteção. Cada máquina da Dr. Max tem capacidade para 200 máscaras, e segundo a empresa, estão produzindo mais unidades para atender outras regiões durante a epidemia do coronavírus.

Dr. Max vending machine de máscaras de proteção
Vending machine da rede farmacêutica Dr. Max, na Eslováquia.

As vending machines trabalham 24h durante os 7 dias da semana. O que representa uma performance incrível, tanto em cenários com crise ou sem crise, são estáveis e permanecem com rendimento, pois sempre há procura por produtos. E no atual momento de crise pelo qual passamos são ótimas soluções para o mercado, onde o consumidor consegue encontrar produtos que estão em falta nas prateleiras – como a alternativa das vendas de máscaras de proteção – sem contar que são higienicamente mais seguras. Em Singapura, a rede de comidas por delivery, Chef-in-Box espalhou pela ilha as suas vending machines de refeições preparadas por chefs de cozinha, que fazem alimentos saudáveis e sem conservantes. O diferencial da vending machine do Chef-in-box é que a refeição já sai quente da máquina, pronta para o consumo. 

Vending Machine Chef in Box
Vending machine que serve refeições quentes, da Chef in Box, em Singapura.

Refletindo sobre o momento pós quarentena, o novo modo de consumo e comportamento que já estamos vivendo sob efeito coronavírus, a tecnologia nunca se fez tão presente e necessária para a humanidade. E com certeza, o varejo encontrará as saídas através das inovações tecnológicas para atender o novo consumidor com mais agilidade e expertise. O que nos espera? Vamos pensar além e começar a agir de acordo com os novos tempos. 

 

Inscreva-se em nossa Newsletter

Receba no seu email todas as novidades do nosso blog sobre tecnologia e varejo, além de ficar por dentro do novos projetos Alice Wonders.

Thank you for subscribing.

Something went wrong.

5 motivos para investir em uma Vending Machine 0 248

Vending Machines Interativas, por Alice Wonders

Tendência no mundo todo, a vending machine é uma grande facilitadora na hora de realizar compras. A praticidade serve tanto para o consumidor quanto para o comerciante. É um potencial investimento, ainda mais agora com as mudanças de hábitos e formas de consumo, num cenário onde a tecnologia se mostra ainda mais essencial no varejo. 

O Japão conta com mais de 5 milhões de vending machines, na Europa são 3 milhões e nos EUA, 3,5 milhões. Enquanto no Brasil, esse segmento aparece com aproximadamente 100 mil máquinas, que movimentam R$ 700 milhões, segundo a Associação Brasileira de Vendas Automáticas (ABVA). Se você já tem interesse de investir em uma vending machine, a hora é agora! 

Veja as vantagens desse negócio em potencial:

Variedade de produtos

Existem várias categorias de vending machine, desde diversos tipos de alimentos, bebidas, livros até eletrônicos. As máquinas de café, por exemplo, podem servir diversas opções de sabores. Recentemente, desenvolvemos uma tecnologia para máquinas automatizadas de café que servem bebidas geladas. As nossas máquinas possuem um painel interativo para o usuário avaliar as bebidas, deixando a sua nota (de 1 a 5 estrelas) para análise de dados. 

Máquina Hackeada/ Vending Machine
Máquinas Hackeadas de bebidas geladas para a Nestlé, por Alice Wonders.

Oportunidade de negócio

As vending machines são instaladas em locais estratégicos com alta circulação de pessoas, estão presentes em estações de metrô, centros empresariais, como escritórios, hospitais, clínicas, além de serem ótimas para eventos. Outra vantagem, é que não necessitam de nenhuma ação de marketing para divulgação em massa. Pode ser uma oportunidade de vendas extras, complementando serviços e produtos dentro do seu comércio. 

Ótimo custo-benefício

Pense que você não terá despesas com aluguel caro de ponto comercial e contratação de funcionários. O funcionamento da vending machine é 24h por dia e totalmente automático.

Visando economia e tranquilidade para você e para o consumidor, que terá mais variedade de produtos e uma experiência de compra rápida e fácil. 

Manutenção

Há duas opções de aquisição de uma vending machine: você pode comprar ou alugar a máquina. A vantagem do aluguel é que você terá todos os serviços de manutenção disponíveis sempre que precisar e sem dor de cabeça. Todo o suporte técnico é de responsabilidade da empresa contratada, que oferece uma equipe especializada e você pode contar, também, com aparelhos novos de tempos em tempos. A sua única preocupação será no abastecimento da máquina e precificação dos produtos.

Encontre o seu mercado

Se você ainda não sabe onde e quais produtos investir em uma vending machine, comece fazendo uma pesquisa de mercado para saber qual segmento é mais rentável. As máquinas de bebidas enlatadas e alimentos, como pacotes de salgadinhos, biscoitos e chocolates, são as mais famosas. 

Tecnologia e design

Para grandes empresas a opção de vending machine também é uma ótima alternativa para entregar tecnologia e inovação no varejo. Foi o caso da AMBEV, que apostou na nossa expertise para dar corpo e vida ao projeto AMA. Desenvolvemos a Vending Machine Interativa não apenas para destacar a marca, mas para criar uma relação emocional no ato da compra. A máquina é um convite à reflexão sobre o tema do negócio social, demonstrando seu impacto positivo na prática a cada venda enquanto entretém o consumidor.

AMA AMBEV, Vending Machine Interativa, por Alice Wonders
Vending Machine Interativa para a AMBEV, por Alice Wonders.

Vending machine é uma ótima solução tecnológica de varejo, com ótimo custo-benefício, baixo investimento e com estimativa de crescimento no mercado. Entre em contato conosco para fazer um orçamento, podemos ajudar sua empresa a realizar projetos incríveis! 

 

Inscreva-se em nossa Newsletter

Receba no seu email todas as novidades do nosso blog sobre tecnologia e varejo, além de ficar por dentro do novos projetos Alice Wonders.

Thank you for subscribing.

Something went wrong.

Most Popular Topics

Editor Picks

Send this to a friend